Riot Games: entenda melhor o sistema de denúncias e a recepção de cada uma delas

11/11/2020

Fundada em 2006 e com seu maior projeto League of Legends lançado em 2009, a Riot Games anunciou em seu aniversário de 10 anos novos projetos e apostas para o futuro. Dentre as novidades, uma chamou atenção: Valorant, o jogo de FPS da empresa que se tornou o mais conhecido e jogado até então.

Com uma ótima recepção em sua fase BETA, Valorant atraiu uma atenção negativa nas redes sociais após denúncias frequentes as quais ocorriam de maior parte do público feminino do jogo. As denúncias em questão não eram uma novidade para a empresa, que já recebia denúncias frequentes vindas de seu primeiro e maior sucesso, o League of Legends. Ofensas racistas, homofóbicas e machistas já faziam parte do jogo ao final de cada partida. Quando ocorriam as denúncias, se notava muitas vezes a omissão referente às queixas e denúncias feitas pelo jogador.

Pensando nisso, a Sakuras Esports procurou saber mais sobre como funciona o sistema de reportes, a recepção de cada denúncia e como cada uma delas é avaliada. Confira nesta matéria as informações que coletamos através de uma fonte anônima!

Talvez uma das maiores dúvidas quando se envia um ticket é de como aquela denúncia será recebida, a análise que será feita e baseado em quais critérios aquele jogador será punido. Em conversa, foi explicado que as denúncias passam sim por uma análise, mas devido às demandas, nem todas podem ser analisadas a fundo.

“Nem todos recebem as punições que deveriam e isso, de fato, pode ser um problema”, diz se referindo a jogadores que descarregam discursos machistas, racistas, homofóbicos e recebem pequenas punições ou apenas avisos. “Às vezes pode até parecer que depois do ticket o jogador levou só um esporro de uma mãe que está sempre passando a mão na cabeça do filho”, finaliza. 

Com relação aos fatos recentes que andam acontecendo durante partidas de Valorant, foi explicado que por se tratar de um jogo novo, sistema novo e modalidade nova, como por exemplo o chat por voz, as denúncias se tornaram ainda mais frequentes. Por conta disso, táticas novas serão adotadas para atender essa demanda da melhor forma.

“Estamos falando de um jogo novo cuja maior parte da comunicação é por voz. Eles estão ali se ouvindo e se ofendendo enquanto jogam, não é como se precisassem parar a sua jogada para dar rage como em uma partida de League of Legends”, disse se referindo a facilidade dos jogadores em realizar as ofensas com o chat de voz ativo.

Com relação ao receio do jogador sobre as denúncias feitas a ele, a fonte informa que é como se a certeza da impunidade fosse mais forte.

Por exemplo: são tantas denúncias, quem vai vai ler um único ticket? E se der qualquer coisa, eu posso fazer outra conta, né?”.

Essas situações se tornam mais fortes toda vez que é feita a denúncia e nada acontece ou nenhuma punição é dada. “Eu não estou afirmando isso, mas se as punições fossem por IP, o mundo não seria um lugar melhor? Ou pelo menos só os jogos?” disse. O banimento por IP se tornou uma das maiores sugestões dos jogadores de Valorant nas redes sociais após a quantidade de relatos feitos e denúncias ignoradas, visto que seria mais decisivo do que o simples banimento de um jogador que pode fazer outras contas e repetir todo o ciclo de ofensas novamente.

Por fim, a nossa fonte encerrou dizendo que também espera por dias melhores e mais bom senso dos jogadores:

Sério! A gente tá aqui jogando, sabe? Vamos aproveitar o momento, o jogo, a oportunidade de conhecer pessoas novas. Pra que espalhar tanto ódio? Isso vai te fazer melhor?” finaliza.

Se você não se sente confortável para jogar solo, acesse o discord da Sakuras Esports e tenha a oportunidade de conhecer alguém bem legal para você fazer aquele duo e jogar à vontade, seja for fun ou profissionalmente!

E ah, lembre-se: toda denúncia é passível de punição! Não desista de reportar!

Lissa

19 anos, taurina, estudante de jornalismo e mono jinx afundada

Assine nossa Newsletter e fique por dentro das novidades!

Sakuras Esports and DesignByCC | All rights reserved.